terça-feira, 18 de maio de 2010

covardia

Covardia é a única palavra que me chega a mente que consegue explicar esse medo do futuro.

Covardia é esse medo que me faz recuar diante da beleza da entrada rumo à algo desconheceido.

Corvadia são freios em meus pés que me impede dar passos a diante.

Covardia é não mergulhar de cabeça e deixar o "se" fortalecer

Covardia é ancorar um barco no porto seguro por não conseguir enxergar o outro lado da margem e assim não enfrentar o infinito.

Covardia é essa a palavra que o medo trás.

domingo, 16 de maio de 2010

palavras


Quando penso nas palavras que escrevo vejo que nem sempre tem um fundo completamente real, mas sempre sinceras.
Escrevo para expressar no papel os sentimentos em minha alma e assim eternizá-los.